SOCIEDADE EM QUESTÃOVÍDEOS

Programa Sociedade em Questão 24/03/2014

Related Articles

1 thought on “Programa Sociedade em Questão 24/03/2014”

  1. Vejo um grande problema, que inclusive é extremamente incentivado por inúmeros programas de TV além das publicidades televisivas ou impressas, que é a Mulher Objeto.

    A mulher é tratada como um objeto, servindo apenas para fazer papel de burra ou para que o apresentador dê uma de machão dando indiretas, inclusive em alguns jornais estou vendo este comportamento (Vergonhoso).

    Os ditos programas jovens são tão jovens quanto o Chacrinha, mostrando mulheres seminuas e textos que as fazem passar por idiotas ou papeis que criam o mito mulher sem conteúdo. O papel do homem é o papel do conquistador garanhão e esperto.

    Qual programa jovem hoje é apresentado por mulher ou mesmo casal? Qual programa temos a demonstração de inteligência dos dois sexos, ou mesmo só mulher?

    Novelas, que através do lúdico, incentivam as pessoas a serem cada vez mais egoístas e a não respeitarem os limites do outro em uma sociedade que demonstra todo dia cada vez mais o individualismo.

    Somos estimulados a todo momento a tratar mulher como objeto e o outro que se vire.

    Na Educação é o pior caso. Não preciso ser bom aluno para passar de ano, qualquer coisa que eu faça serei recompensado, então meu máximo esforço ou nenhum esforço surtirá o mesmo efeito, não preciso de compromisso. Nem preciso saber ler, só freqüentar e olhe lá… que passarei de série.

    Trabalho com informática e vejo cada vez mais analfabetos funcionais nas empresas, não conseguem se quer ler um manual básico com figuras.

    Acho que é tudo uma junção de várias questões sociais, Educação(Casa+Escola), Programação de TV de baixa qualidade com péssimo crivo crítico, reforço de estereótipos machista através das Mídias, Reforço do Descompromisso em inúmeras áreas (Escolar, Relacional e Social), o que faz com que várias pessoas sejam tiranas e simplesmente se sintam no papel de dona do outro que também se tornou objeto.

    No fim quanto menor é o esclarecimento da pessoa, mais ciumenta tende a ser e tão mais a própria pessoa começa a inventar motivos para justificar o próprio ciúme, de forma a só cultiva-lo crescentemente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Close
Close